quarta-feira, 29 de julho de 2009

Viagem a Itália (parte III)

<---00O00--->

Vaticano: por causa das coisas acordámos bem cedinho que era para não apanharmos fila. 7 h da manhã e já estamos nós a porta do museu do vaticano… (grande sorte porque 10 min depois a fila já ia pela estrada a baixo) às 9 h lá entrámos nós e tenho de admitir achei aquilo uma seca. Vá, a Capela Sistina e os quartos de Raphael são lindos!! Adorei! Mas o resto… Exposição sobre o Egipto no vaticano? Porquê? E estátuas tantas, estátuas!!

DSCF7027
Capela Sistina
(este sorriso foi tão forçado… já não tinha forças para sorrir)

Enfim, depois de uma manhã inteira no museu, lá fomos nós ver a praça de S. Pedro e a catedral, que ainda não tinhamos nem sequer espreitado. Chegámos lá e… as palavras acabaram, a conversa morreu perante tamanha imponência e beleza (o que não foi tão belo foi ver o tamanho da fila que havia para entrar na basílica, em plena hora de maior calor). Bem fomos almoçar e voltámos à tarde, já fresquinhos e as forças renovadas (a fila era bem menor).

Basílica de S. Pedro: é realmente tão grande e tão bonita como parece nas fotos  (supera em muito todas as outras catedrais que vimos por Itália). E afirmo isto com conhecimento de causa, porque a vimos de alto a baixo. Descemos aos túmulos dos papas e subimos ao topo da cúpula.

Ai mas a subida… Jesus, meu deus!! Aquilo é tão alto!! E as escadas tão apertadinhas e chegam mesmo a ser inclinadas, para acompanhar a inclinação da cúpula. Ia morrendo!! Era claustrofobia e vertigens, tudo ao mesmo tempo! Mas valeu a pena, só que depois cheguei lá a cima e não larguei a parede, fiquei encostadinha… Vá, mas deu para ver um bocadinho a vista, que era bem bonita, sim senhora. (depois para descer também foi outro cabo dos trabalhos, mas encontramos um casal português que só por me terem dito “é fácil” em português já ajudou imenso! É tão bom ouvir a nossa lingua no estrangeiro…)

S. PedroVista  do topo da basílica de S. Pedro
(e eu cheinha de medo de cair lá para baixo…)

Depois fomos até ao Castelo de Sant’Angelo assim muito rapidinho e voltamos para casa que eu estava exausta aquela subida e descida deram cabo de mim fisica e psicológicamente… à noite estava programado ir ao Hard Rock mas eu já não sai da cama, fica para uma próxima. Ah e pelo meio ainda “conseguimos” roubar… (e logo na cidade santa, no vaticano…) Mas foi sem querer, eu juro! Estávam lá jornais em português e nós pensamos: “que giro, vamos levar um!!” E pareciam grátis (como o Metro ou o Destaque) da forma como estavam, … Quando chegámos ao hotel vimos que afinal custavam 1 euro…

No dia seguinte, levantamo-nos cedinho e seguimos rumo a Florença, a cidade do renascimento! E do calor abafado!!! A cidade é toda em pedra, com aqueles edificio magníficos, mas de pedra. Ou seja, as pedras absorvem o calor e depois nem mesmo a sombra está fresquinho, porque as pedras parecem aquecedores ali a emanar o seu calor! Enfim, mas é uma cidade bonita para se visitar, com a famosa Ponte Vecchio e aconselho a subida ao miradouro da Praça de Miguel Angelo! ;)

DSCF7161

Vista do Miradouro da Praça de Miguel Angelo

Bem aqui tivemos outra aventura. Esta é a cidade do Uffizi o museu onde está a famosa  pintura de Botticelli, Nascimento de Vénus, como tal não podiamos não ir ver. E lá fomos nós (uma hora na fila), 3 pisos cheios de obras para ver… Decidímos entrar em todas as salas, para vermos tudo direitinho e assim foi. Duas horas e qualquer coisa para vermos tudo, mas e cadê o Nascimento de Venús?? “Bem se calhar está para restaurar, ou foi emprestada…” Já estavamos nós a pensar, até que um dos meus amigos decidiu “por descargo de consciência”, como ele disse, ir perguntar… E o quadro estáva lá!! Como é que não o vimos!! Lá subimos aquilo tudo a correr, para descobrimos que estava numa sala à qual se tinha acesso através da primeira, aquela que só espreitamos porque era só paineis dourados… Grigri para nós!

E entretanto chegámos ao último dia de viagem, acordar cedinho e partir rumo a Pisa, para ver a famosa torre, correr mais um bocadinho para o avião (que partiu atrasado), chegámos ao Porto e corremos mais um bocadinho com esperança de apanhar o intercidades (o que não aconteceu…ai o dinheiro que custa um alfa…) e finalmente, Lisboa novamente!!

DSCF2328Torre de Pisa
(eu tentei tirar daquelas fotos engraçadas a segurar a torre mas as minhas não ficaram bem, porque não era eu a fotografar… ninguem percebeu como eu queria)

<---00O00--->

E pronto foram assim os meus dias em Itália… Ai e ainda ficou tanto por contar…  Mas tenho a dizer que vale a pena, é um pais lindo!! Ah e quanto ao mito dos italianos serem todos giro… Ou é mentira ou eles andavam escondidos, ou então é porque eu já  não vejo (preciso de ver) bem =P

5 comentários:

Fábio Paulos disse...

deve ser um pa'is muito bonito, continuação de boas ferias!!

parabens pelo blog

Patrícia disse...

Essa subida ao topo da cúpula pareceu-me tãaao bem! Só a fotografia da vista causa arrepios, imagino estando lá...!

ROUBASTE NO VATICANO? :oooo Ai... espero que já te tenhas redimido desse acto pecaminoso :P Não chegaram a ver o papa? Lembra-me aquela tipica expressão portuguesa "é como ir a Roma e não ver o papa!" :P
No teu caso, grave ia sendo ir a Florença e não ver o Botticelli!

Ficamos a aguardar pelas tuas próximas férias! =)

Menina do Mar disse...

Fábio: Obrigado ;)

Patrícia: podes crer, de arrepiar! E quanto ao roubo, se formos a ver bem aquilo não pode ser considerado roubo...=P porque não sabíamos... lol *

Verdinha disse...

acho que tu tavas tao cansada k ja n vias bem. lool

ou ent eles nao vao para as cidades mais visitadas :O

Menina do Mar disse...

Verdinha: Pois deve ser isso, quero acreditar que sim, porque um mito destes não pode morrer assim lool